Russos são os maiores desenvolvedores de ransomware

Russos são os maiores desenvolvedores de ransomware
5 (100%) 1 vote

hacker russoKaspersky revelou que 75% dos principais pacotes crypto-ransomware que pesquisou no ano passado foram desenvolvidos por cibercriminosos russos.

A notícia foi revelada por Anton Ivanov, analista de malware da Kaspersky, na conferência RSA Security em San Francisco, Califórnia, na segunda-feira.

De acordo com Jeffrey Esposito da Kaspersky, que fez a cobertura da apresentação do especialista Ivanov:

Das 62 famílias de crypto ransomware descobertas pelos pesquisadores da Kaspersky no ano passado, 47 delas foram desenvolvidas por cibercriminosos russos. As medições da Kaspersky Lab indicaram que o ransomware da família cryptor atacaram mais de 1,4 milhão de pessoas em todo o mundo em 2016.”

A relativa facilidade com que se pode comprar um ransomware no mercado clandestino e a rapidez em monetizar com os ataques usando bitcoin são algumas das razões que explicam a explosão de ransomware nos últimos anos.

Em outras palavras, este é um ecossistema aperfeiçoado, fácil de usar e em constante desenvolvimento.

É difícil tirar conclusões sobre por que tantas das famílias de ransomware  têm origem russa, mas é seguro dizer que isso se deve ao fato de que há um monte de desenvolvedores de código bem-educados e qualificados na Rússia e seus vizinhos Países.

Fonte: The Inquirer

Posts relacionados

Kaspersky Lab anuncia a disponibilidade global do Kaspersky ... Kaspersky Threat Lookup, serviço de inteligência lançado pela Kaspersky Lab, aumenta a capacidade de resposta a incidentes de segurança nas corporaç...
Golpe utiliza atualização do Windows 10 O truque é velho, mas funciona. Os cibercriminosos sabem disso. Recentemente a Kaspersky Lab descobriu uma campanha brasileira de spam que utiliza a ...
Recomendações da Kaspersky para combater o ransomware WannaC... Algumas recomendações baseadas nas ferramentas de segurança da Kaspersky Lab para minimizar os riscos de infecção pelo WannaCry. Os engenheiros da Ka...
Brasil entre os 10 países mais afetados Brasil aparece no ranking dos dez países mais afetados por golpes virtuais no mundo. Em evento em Moscou, na Rússia, o analista da Kaspersky Lab, o...
Ataques DDoS fazem bancos perder em média US$ 1,8 milhão Alvos da ação dos cibercriminosos, os bancos perdem, em média, US$ 1.754.000 com incidentes envolvendo serviços de Internet Banking. Esse dado foi le...
Cibercriminosos são presos com a ajuda da Kaspersky Lab Especialistas da Kaspersky Lab e do Sberbank, um dos maiores bancos da Rússia, trabalharam em conjunto com agências e forças de segurança russas em ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *