Gerenciamento de patches

O que é gerenciamento de patches e por que ele é importante?

|

Gerenciamento de patches é um procedimento de suma importância no contexto da administração de sistemas de tecnologia da informação. Consiste na supervisão e implementação de atualizações em softwares, sistemas operacionais e aplicativos para corrigir falhas de segurança, bugs ou melhorar o desempenho do sistema.

No ambiente de TI, um “patch” é uma correção de software desenvolvida pelos fabricantes para resolver vulnerabilidades conhecidas, erros de programação ou problemas de desempenho. Esses patches são frequentemente distribuídos sob a forma de atualizações de software, e podem também ser denominados como correções de segurança, correções de bugs ou melhorias de desempenho.

A importância do gerenciamento de patches reside principalmente na garantia da segurança da informação e na proteção dos sistemas contra ameaças. Os patches de segurança são especialmente críticos, pois visam corrigir vulnerabilidades que podem ser exploradas por agentes maliciosos para comprometer a integridade, confidencialidade e disponibilidade das informações.

Ademais, o gerenciamento de patches contribui para a estabilidade e confiabilidade dos sistemas, ao corrigir erros de programação que podem levar a falhas ou instabilidades, resultando em maior disponibilidade dos serviços e em redução dos riscos de interrupções não planejadas.

O processo de gerenciamento de patches envolve várias etapas, incluindo a identificação das vulnerabilidades, a avaliação dos riscos associados, a implementação dos patches e o monitoramento pós-implementação para garantir que os sistemas permaneçam seguros e estáveis.

Ferramentas de gerenciamento de patches desempenham papel importante nesse processo, automatizando tarefas como a identificação e distribuição de patches, agilizando assim a aplicação das correções e reduzindo o tempo de exposição a possíveis ameaças.

Em resumo, o gerenciamento de patches é uma prática essencial para garantir a segurança, estabilidade e conformidade dos sistemas de TI. Adotar um processo estruturado e proativo de gerenciamento de patches ajuda a proteger os ativos digitais de uma organização e mitigar os riscos associados às ameaças.

Definição técnica de gerenciamento de patches

A notificação sistemática, identificação, implantação, instalação e verificação de revisões de código de sistema operacional e software aplicativo. Essas revisões são conhecidas como patches, hot fixes e service packs. Fontes: CNSSI 4009-2015 NIST SP 800-137 sob Patch Management do CNSSI 4009

A Kaspersky oferece o Kaspersky Vulnerability & Patch Management, solução que proporciona visibilidade total dos sistemas na rede corporativa e automatiza o ciclo de avaliação de vulnerabilidades e gestão de correções, garantindo a proteção contínua da empresa.

 

 

Últimas postagens

Kaspersky Next EDR Optimum

O Kaspersky Next EDR Optimum é uma solução completa que vai além das funcionalidades essenciais de E…

Kaspersky Next EDR Foundations

O Kaspersky Next EDR Foundations é a solução definitiva de cibersegurança, oferecendo proteção imbat…

Kaspersky Next
Kaspersky Next: nova linha de soluções da Kaspersky

Kaspersky Next: Uma Nova Abordagem na Proteção Corporativa A Kaspersky recentemente anunciou a sua m…